TER OU NÃO LUGAR MARCADO NO CASAMENTO?

No post de hoje vamos levantar alguns pontos contra e a favor em relação a ter ou não ter lugar marcado no casamento. Essa é uma dúvida frequente na vida dos noivos, será que vale a pena? Quais são os prós e contras? Como criar uma logística para isso?

Saiba que se você optar por marcar os assentos, irá perder um grande tempo pensando na logística de cada lugar, pois existem vários detalhes envolvidos como por exemplo: o círculo de amizade dos convidados, quem ficará próximo dos noivos, familiares e entre outros.

Essa é uma prática muito comum em casamentos da Europa e dos Estados Unidos. Aqui no Brasil, normalmente as recepções são mais informais, os convidados gostam de ficar interagindo um com os outros e não costumam ficar por muito tempo sentados nas mesas.

Custos

Normalmente quando o casamento tem lugar marcado, é preciso contratar uma/duas recepcionistas para ficarem na entrada do casamento, elas serão responsáveis por indicar as mesas certas para cada convidado e evitar que se forme uma bagunça. Esse serviço irá custar um pouco a mais no orçamento final.

Uma outra opção para organizar o seu casamento, mas em um formato não tão engessado é fazer uma setorização na festa! Em vez de deixar cada lugar para uma pessoa específica, você pode setorizar por mesas. Por exemplo deixar as mesas para os familiares reservadas com alguma plaquinha indicando. Pode fazer o mesmo para os padrinhos, amigos do trabalho etc. Assim eles saberão em qual mesa sentar-se, mas não ficarão presos em lugares específicos.

RSVP

Uma dica para facilitar essa organização é fazer o RSVP (Répondez S’il Vous Plait) que em português significa “Responda Por Favor”, que nada mais é do que a confirmação de presença dos convidados no casamento. Com isso você consegue ter uma noção de quantos e quais convidados irão comparecer e a partir daí pensar em como será a distribuição dos lugares.

Como fazer o mapa?

Reserve bastante tempo para essa tarefa! Pense em cada convidado, nas afinidades de cada um e como poderá distribui-los sem deixar nenhum deslocado! Lembre-se de deixar idosos, grávidas e cadeirantes em locais de fácil acesso!

Uma dica: Deixe uma/duas mesas livres, assim caso haja algum imprevisto ou necessidade de ajustes, facilita a vida da recepcionista! E não esqueça de deixar uma mesa reservada para os profissionais que trabalharão no seu casamento! Porque, uma hora eles irão precisar se alimentar, não é mesmo?!

PRÓS E CONTRAS

Os prós de lugares marcados é que você garante que todos os convidados terão um lugar para se sentar, e elimina aquela correria habitual de todos querendo reservar uma boa mesa para o jantar.

Se o seu casamento for com serviço a francesa, ou mini wedding (que tem menos convidados), essa prática pode ser uma excelente escolha!

Os contras é que quando o casamento é muito grande e envolve um grande número de convidados, o trabalho e a logística para isso são maiores! E tem aqueles convidados que não gostam de serem “obrigados” a se sentar em lugar marcado, podendo criar um probleminha para a recepcionista que está organizando.

Como marcar

– Place Cards: plaquinhas nas próprias mesas

Pinterest

–  Escort Cards: na entrada da festa os convidados irão encontrar cartões nominais com o número da mesa que deverá se sentar.

Pinterest

– Seating Charts: Uma espécie de mapa onde constam

Pinterest

Gostaram das dicas? Conseguiu decidir se quer ou não ter lugar marcado no seu casamento? Deixe aqui seu comentário !!!

TER OU NÃO LUGAR MARCADO NO CASAMENTO?

CASAMENTO CAROL E FELIPE

TER OU NÃO LUGAR MARCADO NO CASAMENTO?

COMO ORGANIZAR UM CHÁ DE PANELA?

Newer post

Post a comment